Pedro Novaes

O autor é engenheiro agrônomo e advogado

Tempo das cavernas

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

A humanidade caminha por entre avanços e recuos.Alguns avanços, como o respeito aos animais e novos comportamentos no trânsito, não admitem recuos, e os infratores acabam punidos na forma da lei, sempre severa. Tais avanços acabam incorporados aos hábitos e valores de todos.Pouco ou nada avançamos justamente no quesito respeito humano, recordista em omissões e erros de autoridades ...

Privacidade

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

A privacidade torna-se, a cada dia, menos prestigiada.O mundo anda repleto de câmeras e gravadores, cada dia mais potentes e menores. Até nossos quintais acabam filmados, por drones, satélites, aerofotos ou mesmo pela curiosidade dos vizinhos.Na área da segurança, as filmagens, notadamente em praças e áreas comerciais, auxiliam no esclarecimento e repressão a crimes, de assaltos a ...

Começou a campanha

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

A campanha eleitoral, nos pequenos e médios municípios, segue sua secular rotina.Mais uma vez, as regras figuram concentradoras de poder. Candidatos de partidos sem grande expressão nacional contam com menor tempo, no horário eleitoral gratuito, e muitos sequer podem participar de debates.Prefeitos disputam a reeleição no exercício do cargo, emoldurados pelas obras e feitos da ...

Rafaelas

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

Dizem, cinicamente, que vencer é um detalhe, e o importante é competir.Rafaela Silva, nossa judoca medalhista olímpica, deixou o anonimato, a discriminação e os olhares desconfiados pelo detalhe de conseguir uma medalha de ouro, lutando e vencendo as melhores do mundo.A Rafaela que virou estrela, saudada em todos os ambientes, teria as mesmas virtudes, caso algum detalhe das lutas impedisse seu acesso ...

Insegurança generalizada

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

Apesar das oscilantes estatísticas a respeito da violência e criminalidade, a sensação de insegurança impera em todos os ambientes humanos, urbanos e rurais.A bandidagem assumiu posturas de guerrilha, com armamentos típicos de exércitos e ânimo de radicais políticos e religiosos. Cidades inteiras são dominadas, e agências bancárias são explodidas, ...

Política na escola

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

A questão da política, na escola, deve ser discutida de maneira a não ficar confinada aos estreitos limites de projeto de lei que trata do tema, em análise pelo Congresso Nacional.É consenso que o professor não deve, nem pode, fazer da aula um instrumento de pregação política e partidária. Trata-se de flagrante e odioso desvio de função.Ao lecionar ...

Mais circo que pão

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

O milenar hábito de conduzir e domesticar o povo com pão e circo ainda é praticado, no Brasil.Por aqui, parece importar menos a obra e mais a festa, sempre perdulária, da inauguração. Festas, em nosso inculto e bovino entendimento, popularizam a figura do administrador.No Ceará, a inauguração de um hospital público gastou, à época, mais de meio ...

Mike Adas

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

Existe uma pouco disfarçada censura a alguns conceitos, demonizados pela insistente conotação negativa com que são referidos.Assim, o Estado Mínimo tem sua imagem relacionada ao Estado Impotente, fraco e omisso. Na verdade, o Estado Mínimo tem seu fundamento em nada além do Estado Necessário.O Estado Mínimo não gastaria tantos esforços e recursos em Copas e ...

Jogos de Azar

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

Os políticos nuca gozaram de grande prestígio popular.A autoridade recente de melhor imagem e memória é Itamar Franco, acusado de ostentar os mais controversos topetes e deixar-se assediar por belas mulheres, todas jovens. Defeitos virtuosos!Após séculos e séculos de persistentes desgastes, a figura do político brasileiro, de vereador a senador, de prefeito a presidente, é ...

Morrer sem mistério

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

Morrer é complicado.A maioria das pessoas não teme a morte, mas teme a maneira de morrer. É sonho universal morrer dormindo, sem sofrimentos.No Brasil, milhões de órgãos deixam de ser transplantados, diariamente. Existem mais doadores que doações, pois não raro a família nega a vontade do cidadão, e são poucas as estruturas públicas ...

Reforma agrária

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

A reforma agrária é tema ideologizado, englobando o próprio direito e conceito de propriedade.No Brasil, a reforma agrária, salvo raras e honrosas exceções, acabou confinada à mera distribuição de terras, com ares de reforma fundiária. Os governos populistas de nossa década nada inovaram e pouco providenciaram, na área, contentando-se com discursos e ...

Frio

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

Após um período de severa estiagem e calor infernal, seguido por dezenas de dias chuvosos, estamos agora sob frio intenso, antes de iniciado o inverno.Mesmo sem o apoio de estatísticas científicas, todos percebemos que a natureza está tendo chiliques. Ou faz um calor insuportável ou um frio congelante. Ou sofremos uma seca prolongada ou morremos afogados.A natureza jamais foi domada, e seguiu ...

A culpa é nossa

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

Os políticos nuca gozaram de grande prestígio popular.A autoridade recente de melhor imagem e memória é Itamar Franco, acusado de ostentar os mais controversos topetes e deixar-se assediar por belas mulheres, todas jovens. Defeitos virtuosos!Após séculos e séculos de persistentes desgastes, a figura do político brasileiro, de vereador a senador, de prefeito a presidente, é ...

Leitura

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

Somos um povo inculto.As notícias chegam, telegráficas, pelo rádio e TV. Revistas e grandes jornais são pouco lidos.Manchetes são mais lidas que o conteúdo, e costumam aglomerar multidões defronte as bancas. Comprar e ler livros é um hábito de poucos.A leitura escolar sobrevive por ser compulsória, quase limitada a obras didáticas, ou enunciadas nos ...

Animais que abandonam

sexta-feira, 23 de junho de 2017 por Pedro Novaes

Milhões de cães e gatos vivem abandonados, no Brasil.Sob a constante ameaça de doenças, fome e violência, revolvem lixos, atrapalham o trânsito, atacam ou são atacados e, nas horas vagas, procriam.Muitos já tiveram nome e endereço, alegraram famílias, encantaram crianças e viveram felizes, até que a maldade humana interrompeu a bela história, com ...

Fibria