Alberto Isaac

Alberto Isaac é jornalista professor e comerciante. Durante quarenta e cinco anos foi o correspondente do jornal “O Estado de São Paulo” em nossa região.

A data que foi esquecida

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac
Os caixeiros viajantes chegavam às cidades com suas malas repletas de mercadorias e tinham como características a simpatia ímpar, sorrisos permanentes

Com a pasta nas mão, por vezes pesadas, ou carregando malas – transportadas geralmente por outras pessoas- desembarca do trem o passageiro procedente da capital ou de outras localidades, servidas pela Estrada de Ferro Sorocabana.Trata-se do então conhecido “Caixeiro Viajante”, com seu indefectível guarda-pó branco, que vai visitar a freguesia comercial da localidade, a fim de atender as ...

O escorpião atacou de madrugada

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac
O escorpião foi tema de filmes e no âmbito nacional, uma comédia no ano de 1990, “O Espião escarlate”, com elenco dos mais notáveis e de sucesso absoluto em todo território nacional.

Como um relâmpago que risca o céu e pode ferir uma pessoa, ou o enxame de abelhas voando rapidamente para atingir crianças ou adultos, assim procede o cão embravecido com quem transita à sua frente. Os visados pelo ataque surpresa podem se esquivar ou afastar o perigo em que estão sujeitos.No entanto, uma pessoa dormindo um sono restaurador de suas energias, não consegue se defender ...

Os criadores da elegância em itapetininga

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac
Neste 6 de setembro, comemora-se o “Dia do Alfaiate”, data em que os profissionais, em décadas passadas, comemoravam entusiasticamente com extensa programação.

Grande era a classe de profissionais responsável pelo porte elegante do itapetiningano em tempos de outrora.Foi na época que as pessoas qualificadas como “das mais importantes” ou de gosto apurado eram observadas e comentadas nas ruas da cidade, com surpreendente admiração. Eram comerciantes, empresários, industriais, professores, médicos, advogados e outros, vestiam-se ...

Lá se foi o nosso Madaleno

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac
Benedito Madaleno Mendes faleceu aos 63 anos, neste último sábado, 26 de agosto. Ilustrou com capacidade seu trabalho no Jornal Correio

“A coisa mais indispensável a um homem é reconhecer o uso que deve fazer de seu próprio conhecimento”. Foi desta forma que o sábio Platão conclamou, com toda a propriedade a todos os povos do universo.Naturalmente, muitas pessoas conhecem esse precioso ensinamento filosófico, mas com toda a certeza o meu estimado e já saudoso amigo conhecia. Cronista de primeira linha, ...

Roberto busca origens na Hungria

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac
Roberto Hungria e seu núcleo familiar voltaram encantados com a terra de seus antepassados, reencontram sua história e reforçaram o amor à terra .

Uma razoável área da antiga “Rua das Tropas”, hoje Quintino Bocaiuva, é envolvida pelo sereno som de um piano, geralmente à tardezinha, os que, por ventura, caminhavam naquele espaço, próximo ao final da Rua Júlio Prestes, se enlevavam com a música, executada por D. Dulce Soares Hungria, esposa de Gumercindo Soares Hungria. Ele era proprietário da então ...

Vassoura, sempre eterna e necessária

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac

Limpando a frente de sua casa, Luciana Matelli (a “xerife”), com a vassoura na mão espantou, não tão espalhafatosamente, três cachorros que reviravam afoitamente uma lata de lixo. Eram exatas sete horas de uma manhã primaveril e a cena se desenrolava na Vila Palmira, centro da cidade.Luciana, em sua extrema simpatia, erguendo a vassoura , exclamou: “graças ao divino, temos esse ...

Arquitetura da velha cadeia ainda é atração

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac

Quando, em 1916, os presos que foram tranferidos da velha Cadeia, atualmente sediando o Centro Histórico de Itapetininga, no Largo dos Amores, talvez tivessem ficado extasiados diante do magestoso prédio que ornamentava a antiga Rua das Formigas, posteriormente Aristides Lobo e hoje Francisco Válio. Com dois pavimentos, em estilo clássico romano, construido pelo italiano Abrão Sacco com base em ...

O encontro com o grande mestre Ziza

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac
Zizinho, o mestre Ziza,  junto com os jogadores Formiga e Djalma Santos, na Seleção Brasileira, mesma época era estrela do Flamengo

Decorridos agora 13 anos da morte de Zizinho, um dos maiores astros do futebol brasileiro dos últimos tempos e conhecida estrela internacional, Zecaborba Soares Hungria veio nos lembrar desta data e cuja significação tem muito para ele. A justificativa é a simples razão, pela qual o comerciante itapetiningano, amante inconteste do futebol referiu-se ao mestre Ziza. Ele o conheceu no Rio de Janeiro, ...

Vale a pena lembrar disso

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac
Há sessenta anos comemorava-se o Dia do Folclóre com um verdadeiro e atraente festival com um dos principais grupos folclóricos  da época

Dia 22 de agosto é comemorado o dia do Folclore. Há aproximadamente sessenta anos passados comemorava-se a data com um verdadeiro e atraente festival. E para lembrar, é necessário não esquecer um dos principais grupos folclóricos que se apresentou no mês de dezembro de 1960, no estádio do DERAC: a Congada Nossa Senhora do Rosário, de gratas memórias.Essa, então ...

Elas iam e vinham

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac

Como o verão, primavera, outono ou inverno, as quatro estações que sinalizam o ano chegam rapidamente e passam no mesmo espaço, nesta vida. São dias e noites que se sucedem através dos séculos, com modificações graduais em todas as fases da terra girando costumeiramente. Novas tecnologias representam o que há de mais moderno, cada instante, no decorrer da ...

Na terra, resquícios do último cinema

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac

Pode-se contar nos dedos aqueles que se lembram, mesmo vagamente, do que foram os cinemas de outrora que refulgiram no cenário comercial e artístico desta cidade.Eram as atraentes casas que se abriam à noite, convocando os itapetininganos em geral a sonharem emocionalmente com as películas românticas, ternas e inesquecíveis, produzidas na longínqua Hollywood – recanto da ...

Poucos eram, e simpáticos, os judeus desta terra

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac
Poucos israelitas se estabeleceram em Itapetininga, entre as décadas de 30 a 1950, assim vem a pergunta, quais e quantos foram os judeus da cidade

Quais e quantos foram os judeus que se estabeleceram em Itapetininga? Esta pergunta surgiu recentemente e a maioria não soube responder. Diminuto número de israelitas se estabeleceram em Itapetininga, entre as décadas de 30 a 1950.Procedentes de Israel e que se instalaram no Brasil, optaram por fixar residência em cidades como S. Paulo, principalmente, Campinas Sorocaba, Ribeirão Preto, São ...

Uma flor para Angelina

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac
A competente musicista, professora e cantora Angelina Colombo Ragazzi, recebeu uma singela, mas marcante homenagem de seu jardineiro

Poucos minutos antes de fechar a urna funerária, para o início de um sepultamento, na Sala 6, da agência funerária local, uma cena sensibilizou acentuadamente todos que se encontravam no velório.Humildemente, com trajes novos, surge na sala um senhor, com pouco mais de cinquenta anos. Respeitosamente e com a face demonstrando intensa emoção, curvou a cabeça e em prantos beija ...

As devoções daquele homem: O trabalho e a cidade

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac
Clodoaldo Gomes, com longa jornada de trabalho e dedicação ao próximo, chega no dia 16, aos 80 anos de vida e 65 anos de atividades variadas

Desde que nasceu, inocente sorria para tudo que seus olhos infantis alcançassem do recôndito onde morava modestamente. Divisava sempre as humildes residências e seus simples e modestos habitantes, todos bons e sinceros trabalhadores. Seu rosto se transformava em alacridade total.Seu perfil ágil e empreendedor era também um amante desmedido e apaixonado por Itapetininga, cujo pai foi um dos fundadores da ...

O que ficou do que passou

quinta-feira, 19 de outubro de 2017 por Alberto Isaac
Hoje Centro Cultural, o prédio da antiga Prefeitura, estilo colonial, após quatro anos em estado de abandono, sempre foi considerado símbolo da cidade

Do famoso “Largo dos Amores” – famosa referência da cidade, hoje, transformado totalmente – a centenária sede do clube “Venâncio Aires” permanece incólume. O prédio da antiga Prefeitura, estilo colonial, após quatro anos em estado de abandono, sempre foi considerado símbolo da cidade.Foi neste festejado edifício que “ribombaram hinos”, ...